Phyllis Dillon - One Life To Live [196x]



Foram Duke Reid e o guitarrista Lynn Taitt que descobriram Phyllis Dillon quando viram uma apresentação da cantora em um clube de Kingston.

Duke Reid tratou de leva-la ao estúdio e lapidar o talento. Dillon tinha apenas 19 anos quando fez sua primeira gravação, a música "Don’t Stay Away", em 1967, quando o rocksteady estava no auge.

No final do daquele ano, mudou-se para Nova York, onde viveria pelos próximos cinco uma vida dupla. Mantendo uma família e uma e carreira nos Estados Unidos, Phyllis Dillon voava constantemente para a Jamaica, onde continuava gravando para Duke Reid.

Após seguidos lançamentos de singles, que resultaram nesse álbum, Phyllis Dillon abandonou a musica e saiu definitivamente da Jamaica em 1974. Ela cansou da forma como as mulheres artistas eram tratadas e para dar uma virada em sua carreira, que encontrava-se estagnada.

Phyllis prometeu a si mesma não voltar a cantar, mas depois de muita insistência, em 1991 foi convencida a retornar à Jamaica para fazer uma apresentação no show ‘Get Ready Rocksteady’, no National Arena.

Após 17 anos longe dos palcos, Phyllis pareceu retomar o gosto pela música e no ano seguinte fez apresentações na Inglaterra, Alemanha e Japão. Voltou a gravar em estúdio ao lado de Lynn Taitt, motivada pela onde de Ska que surgiu nos EUA na década de 90, no qual surgiram diversos grupos do gênero.

Phyllis Dillon morreu em Abril de 2004 em Nova York, aos 56 anos, depois de uma luta de 2 anos contra o câncer.

Com vocês, uma das vozes mais doces da Jamaica.

01 Eddie Oh Baby
02 You're Like Heaven To Me
03 We Belong Together
04 Nice Time
05 Something
06 Picture On The Wall
07 I Can't Forget About You Baby
08 Close To You
09 The Love That A Woman Should Give A Man
10 Woman Ghetto
11 Right track
12 Love The One You're With
13 Boys And Girls Reggae
14 I Wear His Ring
15 Why Did You Leave (w_ Alton Ellis)
16 A Lovely Way To Spend An Evening

DOWNLOAD

Nenhum comentário:

Postar um comentário